06/01/2020

Dia dos Três Reis Magos.

Pela fé cristã, hoje se comemora
o Dia dos Três Reis Magos!
Personagens que teriam visitado Jesus 
em seu nascimento, foram mencionados
somente no Evangelho Segundo Mateus.
Mas não se sabe se eram reis ou se 
os nomes seriam os que foram dado
à eles, mas disseram serem três,
pela quantidade dos presentes:
ouro, incenso e mirra!
Demoraram pra chegar ao local,
somente no dia seis de janeiro
que puderam vê-Lo,
assim diz a história ou estória?! 
A Estrela Guia os guiou,
Simbolismo espiritual,
que nos deu o costume de 
fazer ritual à prosperidade.
Ouro representa realeza,
Incenso representa a fé,
a mirra representa a morte de Jesus,
pois era usada em embalsamento
desde o Egito antigo!
Assim fica aqui,
um pequeno resumo,
com a lembrança da tradição!

Ivone








20 comentários:

  1. Olá, querida amiga Ivone!
    Muito bonito o dia de hoje. Por um lado de família, somos da genealogia Reis e comemoramos algumas vezes num lanche vespertino com algumas 'gordices'...
    Gosto de tradições, querida.
    Tenha dias felizes e abençoados!
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Roselia, também gosto de tradições, gosto de manter e escrever sobre!
      Amei seu comentário, que bom que gostaste!
      Abraços apertados!

      Excluir
  2. Gostei de l er e essa tradição é tão pura! Tomara não acabe! Aqui nem se dá l a, nem se vê! Pena! Bjs chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida amiga Chica, que bom que gostou, aqui em São Paulo também não se vê a comemoração, mas acredito que no interior do estado e em muitas partes do Brasil se comemoram!
      Já vi quando viajei para o interior da Bahila, amo festas juninas e eles também fazem festejos do dia dos Santos Reis.
      Abraços apertados!

      Excluir
    2. Corrigindo "interior da Bahia"

      Excluir
  3. Mais um fabuloso poema/texto! Obrigada pela leitura! :)

    -
    Vagueando nas asas do vento
    Beijo e uma excelente semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada querida amiga Cidália!
      Beijos e excelente semana pra você também!

      Excluir
  4. Amada amiga Ivone,
    Transformar conhecimento em poesia é maravilha pura!
    Eu conto minhas histórias (e não estórias), enquanto tu pega as mesmas e faz poemas, sendo esta bela poeta que és... (E não poetisa).
    Sim, o substantivo poetisa, exerce um sentido coloquial e até pejorativo. Assim, sendo, escritores e escritoras que fazem poemas, se intitulam poetas. Tanto no Brasil quanto em Portugal, a palavra POETA, tem um lugar unissex nos dicionários.
    Já quanto: "História, história e estória"... Quando a palavra estiver grafada com (H) maiúsculo, refere-se à ciência. Exemplo: "História Mundial". Já "história" com (h) minúsculo, referem-se à narração, conto. Exemplo: "Minha avó Lourdes contava-me sempre belas histórias." — Assim, estória, com (e) minúsculo, também torna-se coloquial e pejorativo.
    Mas, quem quiser que seja "poetisa", contando suas "estórias" em seus poemas... "Cada um com o seu cada um!" 😂😂😂
    Bom fim de Dia de Reis, 6° dia do mês!
    Carinhosos Beijos e abraços sempre apertados!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, que bom saber, eu achava que poetisa seria a palavra certa para escritora de poemas!
      Quanto História com H maiúsculo eu sabia, mas estória ou história, eu achava que fictícia poderia ser com "e" para estória ou "h" para história, eu como escrevo "sem peias", tenho vantagem, rsrs e que bom ter amigos professores, tenho muitos amigos professores e acho bom, você é professor/ jornalista, melhor ainda!
      Obrigada pelo carinho e que bom que gostas dos meus poemas e me considera poeta!
      Abraços apertados!

      Excluir
    2. Amada amiga Ivone,
      Havia lido a outra resposta, onde tu concordou comigo:

      "... como dizes, "cada um com seu casa um" e o mais importante ainda é poder ter a comunicação!" 😂😂😂

      Onde li também tu dizer:

      "...Gosto de escrever poemas, mas não sei se me sinto poeta."

      Pode ter certeza, que tu és uma poeta e das boas. Pois, ter conhecimento mitológico, não é para qualquer um. E transformar mitologia em poesia, isso é fabuloso!
      Retribuo os teus abraços sempre apertados!!!

      Excluir
    3. Bom dia!
      Eu apaguei a primeira resposta porque senti que poderia não ser bem entendida, mas você entendeu efiquei feliz com isso.
      Obrigada querido Amigo!
      Mais abraços apertados!

      Excluir
    4. Ah, agradeço os elogios sobre os poemas mitológicos, adoro mitologia desde menina, sempre aprendi mitologia tentando entender as mensagens que " os deuses" nos queriam dar.
      Começaram com brincadeiras e gostei!
      Nada nessa vida é por acaso, nem os amigos que são colocados em nossas vidas, sejam presenciais ou virtuais, o que importa é a mensagem da alma!
      Mais abraços 🤗

      Excluir
    5. Amada amiga Ivone,
      O mito da alma gêmea vem da mitologia grega. E as almas que se unem, podem ser em um amor fraterno e platônico.
      O amor que sentimos por Deus, não é baseado no sentimento de não precisarmos ver ou tocar?
      Amar é colocar em prática a criatividade, a inteligência e a perseverança, para que um par alcance sua felicidade (principalmente na amizade), seja presenciais ou virtuais (como a amiga citou). Pois, somos a metamorfose, da mitologia para a lógica, a força dos rituais que habitam a nossa natureza humana, sempre em evolução.
      E lá vão abraços e mais abraços, sempre apertados e aquecidos, pela chama sagrada de Héstia (em grego: Ἑστία). 🔥

      Excluir
    6. Héstia!
      Deusa do fogo, filha de Cronos e Reia,
      uma das doze divindades olímpicas!
      Cortejada por Poseidon (deus do mar)
      e Apolo(deus da beleza)!
      Jurou virgindade perante Zeus, (deus dos trovões)
      que é o (Senhor do Olimpo)
      recebeu a honra de ser venerada em todos os lares
      meio ignorada nas histórias mitológicas,
      mas pelos deuses era respeitada e admirada!
      Personificação da moradia estável,
      protetora das cidades, das famílias
      e das colônias!
      Sua chama sagrada brilhava continuamente
      nos lares e templos!
      Os gregos fundavam cidades fora da Grécia e levavam
      parte do fogo da lareira como simbolo
      de ligação entre as cidades e a nação-mãe!
      Héstia, deusa do fogo, perenidade entre as nações,
      quase nem conhecida entre os artistas,
      mas simbolicamente
      tem poder ímpar!

      Ivone
      Amei reler esse poema, compus já faz uns 2 anos!
      Héstia, a deusa do fogo, que sua chama sagrada nos mantenha aquecidos!
      Abraços apertados!

      Excluir
  5. Olá, Ivone!
    Espero que sua passagem de ano te nha sido excelente!

    Esta é uma história muito bonita. Uma história que recontamos todos os anos, e é bom que seja assim, pois da maneira como tudo acontece tão rápido e na superfície, temo que ela seja esquecida um dia.

    Boa semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida Ana, minha passagem de ano foi muito boa com alguns da família, nem todos, mas mesmo assim muito bom!
      Amo escrever sempre sobre dia dos Reis Magos, acho interessante manter a lembrança da tradição!
      Abraços apertados minha amiga, feliz ano novo!

      Excluir
  6. Muito interessante o teu texto, gostei de ler seu ponto de vista.

    ResponderExcluir
  7. Voltamos com gratidão por todos vós, desejando um óptimo 2020. Para poder chegar a todos, hoje, numa breve visita. Bem hajam por não nos terem abandonado.

    Hoje : A fé de voltar...

    Bjos
    Votos de uma óptima Terça - Feira.

    ResponderExcluir
  8. Seja bem regressada, Ivone.
    O mesmo faço do meu recesso natalício...
    Gostei de a ler... vamos interpretando relatos de um acontecimento de há 2020 anos...
    Um ano que começou mal em várias vertentes,
    Contente por prosseguir interagindo consigo...
    Abraço bem abraçado. Srrssssss...
    ~~~~

    ResponderExcluir
  9. Gostei muito do seu poema, querida amiga Ivone, sobre “Dia dos Três Reis Magos”, que orientado pela Estrela Guia foram ao encontro do Menino Jesus. Este poema levou-me ao tempo de minha infância, quando minha mãe leva-me à missa nesse dia. Uma belíssima lembrança.
    Parabéns pelo belo poema!
    Espero, Ivone, que você e sua família tenham um ano de 2020 com saúde, amor e paz. Beijo. Pedro

    ResponderExcluir

Meus amigos e visitantes, obrigada pela visita, se quiserem comentar ficarei muito feliz em ler, visitarei a cada um em forma de retribuição pela amizade que pra mim é fundamental, beijos e abraços apertados!

Ivone H Sato