04/04/2016

"Tudo é tão simples que cabe num cartão postal..." Cazuza

Nada acaba e sim se renova,
muda-se o comportamento e a forma,
de ver e sentir se a alma assim permitir!
Capacidade de amar sem cobrar,
todo prazer vem do bem viver e amar!
Amar é se doar sem medo de se envolver,
relacionamentos são compensadores,
pois em tudo há o que se aprender.
Solte o coração e sinta a emoção 
de fazer parte de uma civilização,
mesmo quando a vida pareça uma prisão
por medo ou prevenção!
Prudência é bom, mas com moderação,
desconfiança há, eu mesma sou assim,
mas luto para vencer isso em mim!
As pessoas estão sempre correndo
contra o tempo, estão indo ao trabalho.
Trabalha-se mais do que o necessário,
para se ter todas as coisas e até mesmo o impossível.
Endividam-se para arcar com compromissos,
o pior, depois de tudo isso ficam estressados,
por mais que queiram não têm sossego.
Esse sim é o sinal dos tempos aflitos,
quanto mais se tem mais cuidados também
 para manter esses bens!
A vida moderna é um bem, 
mas escraviza também!
Quem sabe agora, com crises, 
se possa entender,
que viver a simplicidade
possa ser o maior bem?!

Ivone


P.S. Hoje o Google está homenageando Cazuza, aí tive a inspiração de ler essa frase acima e criar esse poema, incentivando as pessoas a serem simples, viver sem complicações, até as doenças vão embora, pois muitas são criadas na mente por estresses minha gente!



22 comentários:

  1. A simplicidade faz mesmo muito bem e todos devemos cultivá-la.A vida fica mais fácil sem tantas complicações que os "luxos" exigem... bjs, linda semana,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luxos, ah, é bom também, mas se complicam nossas vidas aí não dá!
      Abraços amiga Chica!

      Excluir
  2. Um poema que só você sabe fazer Ivone!
    O amor quem espalha é você querida amiga,quando lemos
    palavras tão edificantes.
    Bjs,obrigada pela visita e uma ótima semana.
    Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada querida amiga Carmem, sempre a espero por aqui!
      Abraços apertados!

      Excluir
  3. Respostas
    1. Não chorei a morte de Cazuza porque estava chorando a morte de minha mãe, faz vinte e seis anos isso!
      Abraços Bell!

      Excluir
  4. Olá Ivone,

    A frase de Cazuza lhe inspirou um lúcido e reflexivo poema. De fato, prazer real, satisfatório e pleno "vem do bem viver e amar". Costumamos emprestar valor exacerbado ao que nada acrescenta e apenas estressa corpo e desequilibra a alma. A simplicidade torna tudo mais leve e mais bonito, além de nos premiar com uma vida mais serena e sem sobressaltos.

    Lindo!

    Belo dia e feliz semana.

    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada linda amiga Vera Lúcia, tudo o que dá prazer à alma, pois ela é simples, nos somos os que complicamos!
      Abraços apertados!

      Excluir
  5. ..."É que eu preciso dizer que eu te amo
    Te ganhar ou perder sem engano
    É eu preciso dizer que eu te amo
    Tanto..."
    Cazuza é isso...
    Viver é isso...
    Só o amor em todas as suas dimensões é o que nos fortalece!
    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso minha amiga, o amor é tudo!
      Abraços querida amiga!

      Excluir
  6. Não há nada melhor que a liberdade da simplicidade!
    Não há dinheiro que pague!
    Lindo cazuza, e maravilhosa as tuas palavras, Ivone.
    Fiquei imensamente feliz em ve-la aqui!!Obrigada!
    Beijos, uma ótima semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Mariangela, amei sua visita!
      Abraços apertados!

      Excluir
  7. Amiga arrasou como sempre lindo texto, tenha uma semana abençoada.
    Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br/
    Canal: https://www.youtube.com/watch?v=DmO8csZDARM

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada linda Nequéren!
      Abraços apertados!

      Excluir
  8. Nessa eu não vou,
    vou-me por à tabela
    estou bem onde estou
    só irei por vontade dela!

    Não quero ir para outra civilização,
    porque me sinto muito bem nesta
    nesta sou feliz com o meu coração
    se calhar a outra situação não presta?

    Gostei do seu poema,
    nada acaba e sim se renova
    eu entendo que só é pena
    partir numa viagem sem volta!

    Boa noite e bons sonhos, amiga Ivone, uma braço,
    Eduardo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite meu amigo Eduardo,poeta das boas rimas em comentários amáveis que sempre me dão imenso prazer de ler!
      Abraços bem apertados!

      Excluir
  9. Boa noite Ivone!
    Pois é, muitas vezes as crises são momentos em que a humanidade é sacudida para enxergar o que não quis ver pela razão. Não dá mais para continuarmos nesse ritmo de consumo desenfreado, o planeta não suporta mais tanta destruição, o espírito humano não aguenta mais tanto apego à matéria...e Deus houve por bem nos tirar o excesso de brinquedos das mãos para que cresçamos com mais equilíbrio, e aprendamos a viver com menos e a sermos mais.
    Um grande abraço,
    Bíndi e Ghost

    ResponderExcluir
  10. Perfeitamente, cara amiga Ivone, correria demasiada não produz bom resultado, até porque muitas vezes ela é inútil. Lembro-me de uma vez, na minha juventude, quando fui à praia com amigos, o motorista do carro ia ultrapassando todo mundo pela rodovia como se fosse tirar o pai da forca, mas quando chegamos no destino o cara falou isso: que droga! chegamos muito cedo!
    Um abração. Tenhas, sei que terás, um lindo dia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Assim é a vida, acho que tudo tem de ser vivido ao seu tempo certinho, nada mais mada menos, eu sou tranquila em muitas coisas, só sou rápida para fazer mau trabalho doméstico e tudo tem de estar nos devidos lugares para nunca me estressar.
      Quando saio para viajar e passear aí sim me solto, não tenho pressa de nada curto cada momento como se fosse o último, mas cada qual ao seu tempo.
      Viver, é isso, precisamos viver!
      Abraços apertados meu amigo Dilmar, gosto dos seus comentários aqui, bem assim, me contando as coisas, pois isso é troca, e adoro trocar conhecimentos e ideias!

      Excluir
  11. Ivone
    "tudo é tão simples que cabe num cartão postal"... poderia sobrescrever perfeitamente esta frase de Cazuza, a ETC - Correios do Brasil imortalizou, selo. No fundo, em que consistem os teus poemas? Verdadeiras lições de simplicidade e simplificação.
    Parabéns!
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A vida é simples, muitas vezes nós a complicamos, eu amo a simplicidade, embora goste demais de tudo o que é belo, pois beleza depende de quem a vê!
      Obrigada amigo Daniel, seu carinho pro aqui me é de grande prazer!

      Excluir

Meus amigos e visitantes, obrigada pela visita, se quiserem comentar ficarei muito feliz em ler, visitarei a cada um em forma de retribuição pela amizade que pra mim é fundamental, beijos e abraços apertados!

Ivone H Sato