22/10/2014

FOGO DA PAIXÃO.

Nem o fogo pode queimar
o sentimento ardente
que é muito mais que fogo...
É sol incandescente,
estrelas a brilhar
e gotas de lavas
de um vulcão a derramar,
derramar devagarzinho
até se tornar um rio
tão largo quanto um lago
que atravessa o planeta
no espaço sideral
em busca do fim do mundo
e começo do arco íris!
Que amor é este que me arrebata
e me mata e me traz de volta
e me faz perder o juízo?
Não sei onde estou
não sei quem eu sou
não sei de nada
e vou rodopiando como um pião
em velocidade perdido
no meio da escuridão
do tormento de viver
sem vida e sem te encontrar
em nenhum lugar!
Onde está a minha doce
e adorada amada e
ao mesmo tempo odiada!
Aonde vou te encontrar
se nem sei se estou vivo ou morto?!
Ora caio ora levanto
e volto a cair sem ter
para onde ir e o que fazer?
Perplexo estou em não
encontrar meu amor
em nada e em lugar nenhum
que possa me acalmar o espírito em dor!
Fogo da paixão,
tristeza da ilusão?!

Ivone

(Reeditando uma psicografia que recebi e já postei por aqui, esse poema é a prova do que é a dor da paixão, que muitas vezes se leva ao mundo espiritual, ou quem sabe foi um poeta que o escreveu?!)
Ele não quis assinar, (mas sei quem foi) portanto... Aprendi muito com esses versos, eu sempre sou a primeira a aprender com esses amigos espirituais!

22 comentários:

  1. Com certeza amiga Ivone,deve ter sido um poeta ,que delineia em versos o fogo de uma paixão.
    Grandes espíritos amigos.
    Adorei.
    Bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada amiga Carmem, sim, deve ser um poeta, sempre levamos o que somos por todos os lugares, nem importa em que estado, se aqui encarnados ou não, amigos fiéis, bem sabes disso né amiga linda?
      Abraços!

      Excluir
  2. Boa tarde Ivone

    Parabéns pelo seu maravilhoso poema. Adorei

    Beijinho e um dia feliz

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada amiga poetisa Cidália,abraços!

      Excluir
  3. O amor é assim mesmo...por vezes dói...

    Deixo cumprimentos

    Estou por aqui:

    http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  4. Magnífico Ivone. Os dois últimos versos sintetizam com formosura o poema. Ivone, se quiseres participar de um site só de poetas, deixo abaixo o link.

    http://encontrodepoetaseamigos.ning.com/main/authorization/signIn?target=http%3A%2F%2Fencontrodepoetaseamigos.ning.com%2F

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada amiga Edith, visitarei o site, quem sabe participarei?!
      Abraços!

      Excluir
  5. Eis um poema intenso, vibrante...
    Um abraço. Tenhas uma boa tarde.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostei da definição amigo Dilmar, intenso e vibrante!
      Obrigada, abraços!

      Excluir
  6. Paixão trás energia, lindo.
    Beijo Lisette.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É pura energia linda amiga Lisette!
      Obrigada!
      Abraços!

      Excluir
  7. Respostas
    1. Obrigada querido amigo Paulo!
      Abraços!

      Excluir
  8. Palavras de quem amou e ainda ama.....

    Bjos querida amiga

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amor e paixão quando juntas às vezes causam dores e sofrimentos!
      Abraços linda amiga Vanessa!

      Excluir
  9. Belíssimo e intenso, Ivone.
    Parabéns pela sensibilidade!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Ninguém pode explicar o amor, as vezes ele tb traz mágoa e ódio...

    bjokas =)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Linda Bell, o amor é só coisa boa, a paixão é a que nos faz sofrer, pois é, o próprio nome o diz, paixão=dor!
      Abraços linda amiga!

      Excluir
  11. Lindo poema psicografado por você, Ivone! Uma faceta da nossa vida - o amor - que é muito abençoado a quem ele chega e se instala.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  12. Linda amiga Célia, és de uma ótima percepção da vida, sim, as almas continuam em forma de espíritos no mundo espiritual, esse poeta vive por lá ainda compondo seus poemas de forma que se um dia ele resolver voltar e quiser continuar sendo um poeta escritor, poderá, pois mesmo "por lá" podemos nos exercitar para não perdermos os dons!
    Amei seu comentário, obrigada linda amiga sensível!

    ResponderExcluir

Meus amigos e visitantes, obrigada pela visita, se quiserem comentar ficarei muito feliz em ler, visitarei a cada um em forma de retribuição pela amizade que pra mim é fundamental, beijos e abraços apertados!

Ivone H Sato